Com cela lotada, DPPA de Lajeado tem preso algemado em guichê de atendimento

Nesta sexta-feira (19), a direção da UGEIRM recebeu a informação de que, na DPPA de Lajeado, um preso estava, sob custódia de um policial militar, algemado junto aos guichês da delegacia. A situação estava ocorrendo devido à lotação da cela da DPPA, que contava no início da manhã com cinco presos. A direção da UGEIRM, imediatamente oficiou o DPI (Departamento de Polícia do Interior) pedindo providências, alé de entrar em contato com a OAB/RS e, na próxima semana, vai fazer uma denúncia ao Ministério Público pedindo a instauração de uma Ação Civil Pública. Além disso, a situação foi relatada à imprensa, como uma forma de pressão sobre o governo do estado.

No fim da manhã, um dos detidos, que ocupava a cela da delegacia, foi encaminhado para a penitenciária de Lajeado. Com isso, o preso que estava algemado no guichê da DPPA foi recolhido à cela da delegacia.

A direção da UGEIRM está recomendando  que os Agentes registrem a situação e ingressem, através da assessoria jurídica do sindicato, com a ação judicial por desvio de função. Essa situação representa um claro risco para a integridade física dos Agentes e da população que precisa recorrer aos serviços da Polícia Civil. No caso de Lajeado, o preso se encontrava algemado junto ao guichê de atendimento da DPPA, exatamente o local que serve para atender a população. Em uma cidade que conta com um presídio, essa situação é mais preocupante ainda, pois a possibilidade de uma tentativa de resgate de presos é real, tornando a situação dos policiais civis ainda mais tensa.