Com um caso de COVID, Polícia Civil afasta três investigadores de delegacia de Alvorada

Colegas do agente infectado foram dispensados das atividades por precaução.

A Polícia Civil afastou três investigadores da 2ª Delegacia de Alvorada, localizada no bairro Jardim Algarve, porque um dos servidores atestou positivo para a covid-19. Outros dois colegas do policial foram afastados das atividades por precaução, conforme protocolo de saúde. O local, que segue funcionando, foi higienizado e todos os demais funcionários realizaram testes. O resultado deve ser divulgado nesta sexta-feira (12).

Na sexta-feira da semana passada, um inspetor passou mal e desconfiou que estava com sintomas típicos de uma pessoa contaminada pelo coronavírus. Ao fazer um exame nesta semana, na última segunda-feira, recebeu a informação de que estava infectado.

Com ele atua diretamente com outros dois investigadores, os colegas também foram dispensados do trabalho e estão em isolamento nas residências.

O diretor da 1ª Delegacia Regional Metropolitana, delegado Juliano Ferreira, diz que todos os servidores realizaram testes e que o resultado deve ser divulgado provavelmente nesta sexta-feira. Segundo ele, a delegacia não foi fechada e os demais profissionais continuam trabalhando porque não atuavam no mesmo setor dos afastados. Apesar da continuidade das atividades, a situação não é normal.

— Tomamos todas as precauções, na verdade, ampliamos porque já estávamos com todo o protocolo de saúde em ação. Mas agora, a questão é outra. Mesmo que o trabalho siga, temos prejuízo no atendimento às pessoas e também na apuração de crimes — explica Ferreira.

O delegado recomenda que ocorrências sejam feitas na Delegacia Online, no site da Polícia Civil, e está viabilizando reforço para atender a demanda interna da 2ª Delegacia de Alvorada.