Governo e Rodrigo Maia atropelam prazos para votar reforma ainda essa semana

Em comunicado aos Parlamentares, a presidência da Câmara informou que vai acelerar os prazos regimentais para tentar votar o texto final da reforma da Previdência (PEC 06/2019) ainda esta semana. Em comunicado de um líder de bancada, foi informado que a previsão é começar a votação da PEC 06/2019 ainda nesta terça-feira (09), com previsão de conclusão da votação dos destaques, em segundo turno, no sábado (13) à tarde.

No comunicado, é frisado que os parlamentares devem adiar seus retornos semanais aos estados para que seja feita a votação em segundo turno no sábado a tarde. A perspectiva é que as sessões se estendam madrugada a dentro. Segundo o cronograma, o texto principal seria aprovado na madrugada de terça para quarta. Os destaques ficariam para quarta-feira o dia inteiro até de madrugada. Quinta-feira volta para comissão especial para aprovar a redação do 2º turno. Quinta de noite já volta para o Plenário da Câmara para o segundo turno, que vai durar sexta o dia inteiro e encerrar no sábado de tarde.

Aposentadoria da população será decidida sem discussão

Esse atropelo tem o claro objetivo de evitar a discussão de temas importantes, como a aposentadoria policial e a inclusão dos estados e municípios na reforma. Esse comunicado é uma clara demonstração de que o governo já ligou o “rolo compressor”, para aprovar a reforma sem dar a possibilidade que a própria população se expresse e pressione os parlamentares. Quanto mais rápido o texto for aprovado, será menor a possibilidade que os deputados sejam pressionados pelas suas bases eleitorais.

Além da aceleração dos prazos, o governo atua para liberar mais de R$ 2,5 bilhões em Emendas Parlamentares, com o objetivo de “convencer” os deputados a votarem na reforma da Previdência. É a velha política do “é dando que se recebe” prosperando no Congresso Nacional. Com o estímulo de R$ 2,5 bilhões, o governo espera conseguir que os parlamentares se disponham a fazer horas extras para aprovar a PEC 06/2019, ainda esta semana.

Com essa medida da base governista, se torna mais importante ainda que os policiais pressionem os parlamentares em suas bases eleitorais. Além de tentar o contato diretamente com os parlamentares nas regiões, a UGEIRM está orientando que os (as) policiais enviem e-mails solicitando o voto no Destaque que será apresentado pelo PR, visando retomar a Emenda 40, derrotada na Comissão Especial. Essa Emenda pretende restituir a aposentadoria policial. Abaixo segue a sugestão de texto e a relação de e-mails da Bancada gaúcha na Câmara dos Deputados.

Sr. (a) Parlamentar

O projeto de reforma da Previdência, que vai a votação em Plenário nessa semana, ataca de forma cruel os policiais civis do país. Esses trabalhadores, que dedicam sua vida a garantir a segurança da população brasileira, terão, caso essa proposta seja aprovada sem alterações, a pior aposentadoria policial do mundo. Nesse sentido, pedimos seu voto a favor do Destaque que garante a aposentadoria policial.

Nesse momento, em que toda a Nação se preocupa com a violência que foi responsável pela morte de mais de 60.000 brasileiros em 2017, atacar a aposentadoria dos policiais é uma temeridade, que terá como consequência uma deterioração ainda maior da segurança da população brasileira. Com certeza, seu voto favorável aos policiais será lembrado pelo povo brasileiro, como um ato de defesa da segurança pública do país.

Atenciosamente,

dep.afonsohamm@camara.leg.br,  dep.afonsomotta@camara.leg.br, dep.alceumoreira@camara.leg.br, dep.bibonunes@camara.leg.br, dep.bohngass@camara.leg.br, dep.carlosgomes@camara.leg.br, dep.danieltrzeciak@camara.leg.br, dep.danrleidedeushinterholz@camara.leg.br, dep.darcisioperondi@camara.leg.br, dep.fernandamelchionna@camara.leg.br, dep.giovanicherini@camara.leg.br, dep.giovanifeltes@camara.leg.br, dep.heitorschuch@camara.leg.br, dep.henriquefontana@camara.leg.br, dep.jeronimogoergen@camara.leg.br, dep.lizianebayer@camara.leg.br, dep.lucasredecker@camara.leg.br, dep.marcelvanhattem@camara.leg.br, dep.marcelomoraes@camara.leg.br, dep.marciobiolchi@camara.leg.br, dep.marcon@camara.leg.br, dep.mariadorosario@camara.leg.br, dep.marlonsantos@camara.leg.br, dep.mauriciodziedricki@camara.leg.br, dep.nereucrispim@camara.leg.br, dep.onyxlorenzoni@camara.leg.br, dep.paulopimenta@camara.leg.br, dep.pedrowestphalen@camara.leg.br, dep.pompeodemattos@camara.leg.br, dep.sanderson@camara.leg.br, dep.santini@camara.leg.br.