Após quase cinco anos, Governo garante pagamento de salários em dia

O Governo do estado anunciou, nesta sexta-feira (27), que os salários do funcionalismo estadual serão quitados na íntegra na próxima segunda-feira (30). Com um ano de atraso, Eduardo Leite cumpre o que havia prometido em sua campanha eleitoral. São 57 meses de pagamento de salários com atraso e parcelamentos.

Para o próximo ano, o governador não garantiu a manutenção do pagamento em dia. Apesar do pagamento do salário de novembro em dia, facilitar o pagamento de dezembro na data prevista, nem mesmo o mês de dezembro está garantido. Quanto ao ano de 2021, Leite condiciona o pagamento dos salários à prorrogação da majoração das alíquotas de ICMS, que vence em dezembro desse ano. Além disso, em seu pronunciamento, Eduardo Leite também defendeu a finalização do seu projeto de privatizações, como condição para a manutenção dos salários em dia.

13º deve ser pago através de empréstimos no Banrisul

Quanto ao 13º, Eduardo Leite não garantiu o pagamento ainda este ano. Porém, já existe na Assembleia Legislativa para autorizar o governo do Estado a abrir linha de crédito no Banrisul para pagamento do 13º Salários dos Servidores Públicos Estaduais, como já ocorreu nos anos anteriores.

Para o presidente da UGEIRM, Isaac Ortiz, “o anúncio do pagamento em dia dos salários dos servidores é uma excelente notícia. Porém, esperamos que esse pagamento em dia não seja apenas uma forma do governo pressionar a Assembleia Legislativa para aprovar os projetos do governo de reforma tributária e privatizações. O pagamento em dia dos salários, deve ser uma obrigação do governo e não moeda de troca para aprovar qualquer projeto. Vamos conseguir exigindo do governo o pagamento em dia dos salários, pois esse é um direito básico de qualquer trabalhador”.