UGEIRM reúne com STETPOA para discutir onda de violência

reuniao_stetpoa

A UGEIRM recebeu, nesta terça-feira (21), a visita dos representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte de Porto Alegre (STETPOA). A categoria dos rodoviários é uma das que mais sofre com o descontrole da violência no nosso Estado. O sindicato procurou a UGEIRM para, em conjunto, buscarmos soluções para essa onda de violência.

Entre as questões levantadas pelos representantes dos rodoviários, está a forte carga emocional a que vem sendo submetidos os trabalhadores que trabalham no transporte coletivo de Porto Alegre. Muitos estão com sua saúde emocional abalada, sendo constantemente afastados e encaminhados para tratamento de saúde. Também foi relatado pelos representantes, que os pedidos de demissão devido ao medo dos rodoviários tem se tornado cada vez mais frequentes. O encontro aconteceu exatamente no dia seguinte ao arrastão ocorrido na linha T7, onde motorista, cobrador e mais de 30 passageiros foram roubados.

Na reunião chegamos ao consenso que precisamos aumentar a pressão sobre o governo Sartori do PMDB, para que o mesmo priorize a segurança pública, dando uma resposta à onda de violência que atinge o setor de transportes, aumentando o efetivo de policiais. Também ficou acordado que os colegas apoiarão e participarão da manifestação do dia 18 de agosto, que está sendo programada pelo Fórum Unificado de Servidores Públicos. Nesse dia, o STETPOA mandará representantes que darão depoimentos sobre a falta de segurança nos transportes públicos e a falta de respostas do governo do Estado.

Estiveram na reunião: Isaac Ortiz, Edgar Guilherme e Carlos Lacedi (Carlão), representando a UGEIRM, e Muller, Eduardo Madruga, Ademir Costa e Abade, representando o STETPOA.