Policiais de Bom Jesus decidem por protesto contra o não pagamento de salários

Em reunião realizada no dia de ontem (26), os policiais civis da cidade de Bom Jesus decidiram se posicionar de forma firme contra o parcelamento de salários e o não pagamento dos salários no mês de setembro. Na Nota Pública à comunidade de Bom Jesus, os policiais lembram que o governo vem descumprindo, regularmente, as decisões da Justiça que determinam o pagamento dos salários dos servidores públicos.

Na Nota Pública, os policiais esclarecem à população que, a partir dessa data, deixarão de registrar as ocorrências não criminais, de participar de Operações Policiais fora do horário de expediente e que realizarão apenas trabalhos internos, saindo da delegacia apenas em casos de urgência.

A novidade no posicionamento dos policiais civis de Bom Jesus, é a atitude do Delegado de Polícia Flademir Paulino de Andrade, que assina a Nota Pública junto com os agentes. Inclusive, o delegado se compromete com a mobilização, deixando de participar das atividades extras em benefício da comunidade, como palestras em escolas e a apresentação de um programa em uma rádio local.

Para o presidente da UGEIRM, Isaac Ortiz, “o exemplo de Bom Jesus deveria servir para todas delegacias. A união entre os agentes e os delegados é fundamental para o resgate da segurança pública gaúcha. O delegado Flademir demonstrou que a luta dos agentes é, também, a luta dos delegados. Pois estamos defendendo a segurança pública e não apenas os nossos interesses individuais”.