Em momento de crise, Governo usa helicóptero da polícia para propaganda

Enquanto a população gaúcha está preocupada com a pandemia de coronavírus e os policiais aguardam as orientações sobre como agir frente a esse grave problema de saúde pública, o governo do estado utiliza um helicóptero da Polícia para fazer propaganda de suas supostas realizações.

Além do momento completamente inadequado, é inadmissível que os profissionais da segurança pública sejam deslocados para trabalhar fora do seu horário de serviço, durante a noite e em desvio de função, para tentar melhorar a imagem do governo. Esses profissionais, que deveriam estar em seu horário de descanso, foram obrigados a ficar um grande número de horas à disposição dos publicitários, para fazer propaganda do governo. Uma administração que utiliza do discurso da austeridade e da crise financeira, deveria ter um cuidado maior com a utilização do dinheiro e do patrimônio público. Em tempos de corte de investimentos e de crise econômica mundial, esse tipo de desperdício é totalmente inadmissível.

Um governante não pode permitir a utilização de bens públicos para interesses particulares. Será que não seria mais importante, ao invés de uma propaganda do governo na área da segurança pública, que esse dinheiro fosse investido em campanhas de esclarecimentos sobre o coronavírus? A impressão é de que o governador Eduardo Leite está mais preocupado com sua imagem, do que realmente informar a população gaúcha.