Preso é resgatado por comparsas e agente penitenciário é feito refém em Lajeado

A fuga aconteceu na noite de segunda-feira (26) depois que o preso Rudinei Lopes, de 37 anos, fingiu sentir dores no peito, e foi levado para receber atendimento médico.

Por volta das 19h, um médico autorizou que o detento fosse levado de ambulância até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Lajeado. Ele foi escoltado por dois agentes penitenciários.

Ao chegar na unidade, três homens armados com fuzis abordaram os agentes penitenciários e efetuaram diversos disparos. Ninguém ficou ferido.

Os bandidos, que usavam toucas ninja, levaram um dos agentes penitenciários como refém. Conforme a polícia, eles abandonaram o carro após um dos pneus estourar na área rural do município vizinho de Cruzeiro do Sul.

Em seguida eles atacaram a casa de uma família, onde roubaram um carro para continuar fugindo.

Quando passaram pela cidade de Paverama, o agente penitenciário que havia sido feito refém foi libertado, sem ferimentos. Os bandidos abandonaram o carro, e usaram um terceiro veículo para escapar de um cerco policial que foi montado.

“Foi mantido com cabeça baixa, com uma arma apontada conta ele, e eles sempre dizendo que quem mandava no presídio eram eles”, afirma o delegado Alex Assmann, relatando que o preso em fuga estava preso pelos crimes de roubo e assalto.

Fonte: G1