Direção da UGEIRM reúne com deputado Pedro Westphalen para debater a PEC 32

O vice-presidente, Fabio Castro, e o Diretor Financeiro da UGEIRM, Cládio Wohlfahrt, reuniram na tarde desta quarta-feira (16), com o Deputado Federal Pedro Westphalen (PP/RS), para debater a tramitação da PEC 32 (Reforma Administrativa) na Câmara dos Deputados. O encontro faz parte de uma série de movimentações que o sindicato vem realizando, buscando convencer os parlamentares gaúchos sobre as sérias consequências da PEC 32 para a sociedade brasileira e, particularmente, para o Serviço Público.

Durante a reunião, que contou com a participação do Vereador em Cachoeirinha, Inspetor Marco Barbosa, e do assessor Tales Pedro, os dirigentes da UGEIRM solicitaram o apoio do deputado Pedro Westphalen à Emenda apresentada pela Cobrapol, que objetiva garantir a manutenção da atividade policial como função de Estado.

A direção do sindicato também expressou sua inconformidade com a PEC 32, que, mais uma vez, coloca toda a conta do desequilíbrio fiscal, nas costas dos servidores do Executivo. Ao excluir da Reforma, os militares, magistrados, promotores e procuradores, ou seja, a parcela mais bem remunerada e com mais benefícios dos servidores do Brasil, o governo penaliza os Servidores que estão atuando diretamente no atendimento à população. Por último, a UGEIRM demonstrou o perigo à democracia que representa o fim da estabilidade no serviço público e a criação de mais de 200.000 Cargos Comissionados, que estarão à disposição para livre nomeação por parte dos governantes.

A direção da UGEIRM continuará com a sua movimentação junto aos parlamentares gaúchos, buscando o convencimento pela rejeição da PEC 32, que atinge de forma violenta todo o serviço público brasileiro e direitos fundamentais dos Policiais Civis.