Operação “Gol Contra” afasta deputado da base do governo, Mario Jardel (PSD), da Assembleia Legislativa

jardel1
Deputado Jardel, acompanhado da base governista durante votação do tarifaço do governo Sartori/PMDB

Nesta segunda-feira, o deputado Mário Jardel (PSD) da base aliada do Governo Sartori/PMDB, foi afastado da Assembleia Legislativa. Após dois meses de apuração, o Ministério Público pediu o afastamento do deputado a partir dos indícios de crimes como concussão, peculato, falsidade documental, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Também é investigado o financiamento ao tráfico de drogas com dinheiro público desviado do parlamento.

Em sua principal passagem pela Assembleia Legislativa, Jardel decidiu a votação do tarifaço apresentado pelo governador Sartori/PMDB. No momento da votação, o deputado foi saudado pela bancada governista por ter feito um “gol de placa”. Até o momento, nenhum deputado se pronunciou sobre o afastamento do parlamentar. Para o vice-presidente da UGEIRM, Fábio Castro, “é esse tipo de parlamentar que garante os votos para aprovar os projetos do governo Sartori/PMDB. Quando da votação do tarifaço, a UGEIRM já denunciava as posturas do deputado Jardel. Neste mesmo dia, o deputado apareceu visivelmente alterado em Plenário, proferindo um discurso sem pé nem cabeça para justificar seu voto com o Governo. Com uma base desqualificada como essa, imaginamos os argumentos usados pelo governo Sartori/PMDB para convencer o deputado a votar a favor de seus projetos”.

Veja abaixo o vídeo do voto do deputado Jardel aprovando o tarifaço do Sartori/PMDB